Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Grupos ambientais e industriais pedem proibição de materiais superpoluentes em aparelhos de ar condicionado

Uso de hidroflourocarbonos são potentes gases com efeito de estufa e facilmente substituídos na produção.
Correio da Manhã 17 de Abril de 2021 às 19:50
Ar condicionado
Ar condicionado FOTO: Direitos Reservados
Um grupo de fabricantes e organizações ambientais dos Estados Unidos da América pediu ao governo federal que proiba o uso de produtos químicos superpoluentes para o clima em aparelhos de ar condicionado, frigoríficos e outros aparelhos.

Foram apresentadas cinco petições na terça-feira. O acordo marca uma interesse comum por parte das entidades, em linha para tomar medidas que protejam o meio ambiente. 

"Esta é uma ocorrência muito rara na proteção ambiental, onde todos seguem na mesma direção", disse o diretor de pesquisa de um dos três grupos ambientais que enviaram as petições, Stephen Anderson.

Durante a governação de Barack Obama, fabricantes de aparelhos de ar condicionado viram-se obrigados a traçar um plano para reduzir o uso de hidroflourocarbonos, que são potentes gases com efeito de estufa e facilmente substituídos.

Uma das responsáveis do 'Air Conditioning, Heating, and Refrigeration Institute', Helen Walter-Terrinoni, sublinhou que a petição enviada pela sua organização daria um caminho para reduções graduais provenientes da indústria, para fazer cumprir a regulamentação federal.
Estados Unidos da América ambiente ar condicionado aparelhos eletrónica tecnologia
Ver comentários