Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Amigos juntam dinheiro para transladar portuguesa que morreu com Covid-19 de França para Portugal

Processo custa cerca de quatro mil euros e, por enquanto, só conseguiram arrecadar metade deste valor.
Lusa 12 de Maio de 2021 às 12:45
Caixão
Caixão FOTO: Getty Images
Os amigos de uma portuguesa residente em Ivry-sur-Seine, na região de Paris, França, e que morreu na semana passada devido a complicações ligadas à covid-19 estão a fazer uma recolha de fundos para tentar transladar o seu corpo para Portugal.

"Soubemos através da irmã que ela tinha dito que gostava que a levassem para Portugal e estamos a tentar arrecadar o dinheiro para a levar para Portugal. Era como se fosse alguém da família, porque ela estava sempre connosco" disse a sua vizinha Ângela.

Maria Domingos, de 54 anos, estava em França há mais de 40, ficou doente com covid-19 há duas semanas e em 10 dias morreu.

Segundo a vizinha, Maria Domingos era muito conhecida na região de Ivry-sur-Seine e arredores, onde trabalhou em vários restaurantes locais.

Maria terá tido "sempre foi uma vida muito difícil" e vivia sem familiares próximos em França, tendo desenvolvido nos últimos anos uma depressão que a impedia de trabalhar, deixando-a numa situação precária e sem poupanças.

Os amigos mais próximos e vizinhos lançaram uma angariação de fundos na internet para ajudar a realizar a última vontade desta portuguesa, utilizando as redes sociais para divulgar o caso.

O processo de transladação para Portugal custa cerca de 4.000 euros e, por enquanto, os amigos só conseguiram arrecadar metade deste valor.

"Não vai custar muito a toda a gente que quiser dar uma ajudinha. Sabemos que quando uma pessoa morre acabou, mas é para ficarmos todos tranquilos e sabermos que ela não ficou abandonada. Fizemos tudo o que pudemos, tal como fizemos quando ela ainda estava viva", frisou a vizinha Ângela.

Até ao momento, a família e os amigos de Maria Domingos ainda não entraram em contacto com o Consulado de Portugal em Paris para expor a situação.

Ver comentários