Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

ARS Norte confirma demissão de diretora de ACES do Porto e avança Miguel Azevedo como substituto temporário

Em causa está a vacinação indevida de jovens utentes de 18 anos.
Francisca Genésio 25 de Junho de 2021 às 22:18
Maria Dulce da Silva Pinto
Maria Dulce da Silva Pinto FOTO: DGS
O Ministério da Saúde avançou esta sexta-feira que Maria Dulce da Silva Pinto, diretora executiva do agrupamento de centros de saúde (ACES) do Porto Oriental, pediu demissão do cargo após a instauração de um processo de inquérito a alegada vacinação indevida.

Ao que o Correio da Manhã apurou, a ARS Norte já aceitou o pedido de demissão e avança como susbituto temporário o nome de Miguel Azevedo, que era, até então, presidente do Conselho Clínico e de Saúde do ACES do Grande Porto. 

Em causa está a vacinação de jovens de 18 anos antecipadamente na região, como foi o caso da filha da apresentadora Maria Cerqueira Gomes, Francisca Cerqueira Gomes. Esta já não é, no entanto, a primeira polémica em que a enfermeira, que já vai no segundo mandato à frente da ACES, se vê envolvida. Em 2012, Maria Dulce Pinto, acabaria afastada de funções por ter apresentado um currículo com falsas habilitações. 
Porto Oriental ARS Norte ACES Maria Dulce da Silva Pinto Miguel Azevedo Ministério da Saúde Saúde
Ver comentários