Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Covid-19 com tendência crescente a nível nacional motiva alerta para eventual aumento de internamentos em UCI

Relatório das 'Linhas Vermelhas' sublinha que a próxima semana será decisiva para confirmar impacto e pressão nos serviços de saúde.
Correio da Manhã 29 de Outubro de 2021 às 20:24
Coronavírus
Coronavírus FOTO: Nuno André Ferreira
Portugal apresenta uma atividade epidemiológica da Covid-19, nos últimos 14 dias, que se mostra "de intensidade reduzida com tendência crescente a nível nacional", segundo o relatório das 'Linhas Vermelhas' da DGS/INSA, emitido esta sexta-feira.

A análise da pandemia em Portugal alerta que esta tendência de crescimento e início de fase de crescimento nos internamentos em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI) pode significar uma maior "pressão nos serviços de saúde" e impacto na mortalidade.

"A avaliação na próxima semana servirá para confirmar a possível inversão de tendência e início de fase de crescimento com impacto na pressão nos serviços de saúde", destaca o documento.

O número de novos casos de infeção por Covid-19, por 100 mil habitantes, acumulado nos últimos 14 dias, foi de 98 casos, manifestando a tendência crescente. Nos maiores de 65 anos o número de novos casos por 100 mil habitantes foi de 75 casos, também em aumento.

O índice de transmissibilidade R(t) apresenta valor igual ou superior a um, estando a nível nacional nos 1,08. O Alentejo é a região de exceção, que apresenta uma tendência estável (R(t) de 0,98).  

Os internamentos em UCI já revelaram um aumento nos últimos 14 dias, com 24% do valor crítico de 255 camas ocupadas atingido.

A variante Delta (B.1.617.2)  continua a ser a dominante em Portugal, correspondendo a 100% dos novos casos de infeção dos últimos 14 dias.
Ver comentários