Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
Ao minuto Atualizado às 11:35 | 03/06

Restauração com horário alargado e discotecas fechadas. Conheça as novas medidas

Critérios da matriz de risco da Covid mantêm-se, mas serão aplicados de forma distinta aos territórios de alta e baixa densidade populacional.
Correio da Manhã 2 de Junho de 2021 às 14:35
A carregar o vídeo ...
Critérios da matriz de risco da Covid mantêm-se, mas serão aplicados de forma distinta aos territórios de alta e baixa densidade populacional.
O Governo anunciou esta quarta-feira as novas medidas a aplicar devido à pandemia da Covid-19.

O desconfinamento vai ser dividido em duas fases. Na primeira fase, a partir de 14 de junho, o teletrabalho deixa de ser obrigatório e a restauração passa a funcionar com horário alargado. O comércio pode funcionar com o horário para o qual está licenciado. Os transportes públicos (autocarros e comboios) passam a funcionar com lotação completa (lugares sentados); as salas de espectáculos passam a funcionar com capacidade de 50% (fora das salas funciona com lugares marcados). Passa a ser permitido o público nos eventos de escalões de formação desportivos, com lugares marcados e respeitando as regras da Direção-Geral da Saúde (33% da lotação).


Estas medidas aplicam-se a concelhos onde se registam menos de 120 casos de Covid-19 por 100 mil habitantes (territórios de alta densidade populacional) ou 240 casos por 100 mil habitantes (no caso de territórios com baixa densidade populacional).

Nos concelhos com mais de 120 casos por 100 mil habitantes, o teletrabalho mantém-se obrigatório. Os restaurantes, nestes concelhos, terão de encerrar às 22h00.

A partir de 28 de junho e até ao final de agosto, o Governo pretende acabar com as restrições de lotação nos transportes públicos. Neste período mantém-se 50% da lotação em eventos como casamentos e batizados.
Ao minuto Atualizado a 3 de jun de 2021 | 11:35
14:52 | 02/06

Situação de calamidade mantém-se no País

António Costa revela que se mantém a situação de calamidade no País, uma vez que "a pandemia não terminou".
14:48 | 02/06

Bares e discotecas permanecem fechados até ao final de agosto

Os bares e discotecas vão permanecer fechados até ao final de agosto. "Não entendemos que haja condições para abrir e por isso vão continuar encerrados até ao final de agosto", afirma Costa.
14:45 | 02/06

Medidas a partir de 28 junho até final de agosto

Fim de restrições de lotação de transportes públicos;

- Mantém-se 50% da lotação em eventos (batizados, casamentos, etc);
14:43 | 02/06

Novas medidas para a primeira fase - a partir de 14 de junho

- Teletrabalho deixa de ser obrigatório e restauração com horário alargado;

- Comércio com horário para o qual está licenciado;

- Transportes públicos (com lugares sentados) passam a funcionar com lotação completa - autocarros e comboios;

- Salas de espetáculos podem funcionar com capacidade de 50% (fora das salas funciona com lugares marcados);

- Permissão de público nos eventos de escalões de formação desportivos, com lugares marcados e respeitando as regras da Direção-Geral da Saúde (33% da lotação).

Nos concelhos com mais de 120 casos por 100 mil habitantes, o teletrabalho mantém-se obrigatório. Os restaurantes, nestes concelhos, terão de encerrar às 22h00.
14:41 | 02/06

Evolução da pandemia

O primeiro-ministro revela que há uma evolução positiva da pandemia desde o dia 9 de março.

"Estamos em condições de prosseguir no processo de desconfinamento que se vai passar em duas fases", revela.
14:37 | 02/06

"Processo de desconfinamento vai prosseguir"

O chefe de Governo revela que o "processo de desconfinamento vai prosseguir, tendo por base a matriz já conhecida", nomeadamente a taxa de incidência de cada concelho e a dinâmica da pandemia medida pelo fator R(t) - indíce de transmissibilidade. "Quanto maior a densidade, maior o risco", relembra o primeiro-ministros, frisando que este é um critério que é penalizador nos territórios com baixa densidade.

Neste caso, estes territórios passam a ter 'limite'/linha de risco elevado do dobro dos grandes territórios (de 120 para 240 casos de coronavírus por 100 mil habitantes).
14:36 | 02/06
António Costa já está a apresentar as medidas.

O primeiro-ministro começa por anunciar que esta semana o País vai atingir uma marca importante na vacinação: toda a gente com mais de 60 anos vai ter a primeira dose da vacina.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Governo Covid-19 política conselho de ministros medidas pandemia covid19 sociedade concelhos
Ver comentários