Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Gripe das Aves chega a capoeira em Palmela

Direção-Geral de Alimentação e Veterinária confirma um caso.
Bernardo Esteves 3 de Dezembro de 2021 às 09:39
A carregar o vídeo ...
Gripe das Aves chega a capoeira em Palmela
Um "evento de mortalidade ocorrido numa capoeira doméstica no concelho de Palmela" foi provocada por "um vírus da gripe aviária do subtipo H5N1 de alta patogenicidade", anunciou ontem, em comunicado, a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

O caso ocorreu numa "exploração caseira destinada ao autoconsumo" que já foi inspecionada, tal como outras explorações pecuárias situadas "na zona de proteção em redor do foco", que também são de "detenção caseira de aves de capoeira". Nessa área não foram identificados quaisquer estabelecimentos industriais de criação de aves, garante a DGAV.

A Organização Mundial da Saúde Animal apelou a 19 de novembro para um aumento da vigilância após detetar 41 surtos nos últimos seis meses. Na Europa, foram identificados casos na França, Bélgica, Reino Unido e Noruega. Não existem evidências de que a doença seja transmitida aos humanos através do consumo de carne ou ovos, nota a DGAV, sublinhando que para haver contágio humano ou de outros animais "é necessário que haja um contacto muito estreito". Entre 2003 e 2015, a Organização Mundial da Saúde detetou 826 pessoas infetadas com H5N1, quase todas em países asiáticos, tendo morrido 440.

Os exemplos de transmissão entre pessoas são praticamente inexistentes.
Ver comentários