Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Hospitais do Algarve procuram mais 42 médicos

Pediatria, Medicina Interna e Psiquiatria lideram carências.
Ana Palma 14 de Setembro de 2020 às 09:23
Hospitais do Algarve têm carências de médicos de várias especialidades e este concurso é de “extrema importância”
Hospitais do Algarve têm carências de médicos de várias especialidades e este concurso é de “extrema importância” FOTO: Nuno Alfarrobinha
Pediatria Médica, Medicina Interna e Psiquiatria lideram as necessidades do Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) em termos de médicos especialistas, mas este grupo hospitalar - que engloba os hospitais de Faro, Portimão e Lagos - conta com uma carência muito superior de técnicos de saúde. Um problema que poderá ser colmatado com as 42 vagas que lhes foram atribuídas para a contratação de médicos, em diversas especialidades, no âmbito do concurso nacional já publicado em Diário da República.

Considerado de extrema importância, este concurso lançado pelo Governo, através do Ministério da Saúde, permitirá criar condições para dotar as unidades hospitalares algarvias com mais médicos especialistas, resolvendo assim, caso as vagas sejam totalmente preenchidas, alguns dos principais constrangimentos sentidos ao longo dos anos, sublinha o CHUA.

No caso específico, foram abertas vagas para Pediatria (5), Medicina Interna (4), Psiquiatria (4), Cirurgia Geral (2), Ortopedia (2), Patologia Médica (2), Pneumologia (2) e Radiologia (2). Já as especialidades de Anatomia Patológica, Anestesiologia, Cardiologia, Dermatovenereologia, Doenças Infecciosas, Endocrinologia e Nutrição, Estomatologia, Ginecologia/Obstetrícia, Hematologia, Medicina de Trabalho, Medicina Física e de Reabilitação, Nefrologia, Neurocirurgia, Oftalmologia, Oncologia, Pedopsiquiatria, Reumatologia e Urologia têm uma vaga aberta para cada uma.
Ver comentários