Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Infarmed registou mais de 7500 suspeitas de reações adversas às vacinas da Covid-19

Desde o início da campanha de vacinação em dezembro de 2020 até ao passado domingo foram registadas 7576 notificações.
Lusa 18 de Junho de 2021 às 19:22
Vacinas contra a Covid-19
Vacinas contra a Covid-19 FOTO: EPA / ROLEX DELA PENA
Mais de 7500 suspeitas de reações adversas às vacinas contra a covid-19 foram notificadas em Portugal, entre as quais 51 casos de morte em idosos, segundo segundo um relatório do Infarmed divulgado esta sexta-feira.

"Os casos de morte ocorreram num grupo com uma mediana de idades de 78,5 anos e não pressupõem necessariamente a existência de uma relação causal com a vacina administrada, uma vez que podem também decorrer dos padrões normais de morbilidade e mortalidade da população portuguesa", salienta o "Relatório de Farmacovigilância - Monotorização da Segurança das Vacinas contra a covid-19 em Portugal".

Desde o início da campanha de vacinação a 27 de dezembro de 2020 até ao passado domingo, foram registadas 7.576 notificações de reações adversas (RAM), num total de 7.371.032 doses administradas, 3.032 (40%) classificadas como "graves" e 4.544 (60%) como não graves.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Portugal Infarmed Covid19 saúde pandemia vacinação
Ver comentários