Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Médicos de família pedem revisão urgente da organização do combate à pandemia

Documento conjunto disponibilizado no site da Ordem.
Lusa 27 de Janeiro de 2022 às 09:17
Médicos
Médicos FOTO: Bruno Colaço
Os médicos de família apelaram esta quinta-feira para a uma revisão urgente da organização do combate à pandemia e a um reforço dos cuidados de saúde primários, propondo 10 medidas para melhorar esta resposta.

Num documento conjunto disponibilizado no site da Ordem dos Médicos e que resultou da colaboração de diversos profissionais, defendem que se elimine a necessidade de presença física de um médico de família nos centros de vacinação, dado o conhecimento atual sobre as vacinas, "bastando a presença de um médico com treino em medidas de suporte de vida para avaliar e orientar as intercorrências verificadas".

Defendem também que todos os profissionais das unidades de saúde familiar e das unidades de cuidados de saúde personalizados (médicos, enfermeiros e assistentes técnicos) regressem aos respetivos locais de trabalho e retomem a normal atividade assistencial, incluindo a doença aguda respiratória.

saúde profissionais de saúde Covid-19 hospitais pandemia
Ver comentários
}