Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Pandemia baixa idade da reforma

Mortalidade provocada pela doença acabou por ter efeito na esperança de vida aos 65 anos, um indicador que serve de base à fixação da idade da reforma e aos cortes a aplicar nas pensões antecipadas.
Raquel Oliveira 30 de Novembro de 2021 às 01:30
Conteúdo exclusivo para Assinantes Assine já Se já é assinante faça LOGIN
Exclusivos
Esperança de vida aos 65 anos tem estado a subir desde 1996, tendência invertida pela pandemia
Esperança de vida aos 65 anos tem estado a subir desde 1996, tendência invertida pela pandemia
Esperança de vida aos 65 anos tem estado a subir desde 1996, tendência invertida pela pandemia
A mortalidade provocada pela Covid-19 reduziu a esperança de vida aos 65 anos e, por consequência, a idade legal de reforma. A estimativa provisória divulgada esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) reduz para 66 anos e quatro meses a idade da reforma em 2023.

Esta redução é uma das consequências da pandemia que não só irá permitir a entrada na reforma cerca de três meses mais cedo face a 2022 como não penalizará tanto quem se aposentar mais cedo.



Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
C-Studio