Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Proprietário de restaurante em Lisboa que recusou fechar portas notificado em manifestação

Proprietário tem organizado várias manifestações contra o encerramento de espaços de restauração.
Correio da Manhã 7 de Fevereiro de 2021 às 21:56
Restaurante Lapo
Restaurante Lapo FOTO: Direitos Reservados / Facebook Restaurante Lapo

O dono do restaurante ‘Lapo’ na baixa de Lisboa, que recusou fechar no dia 15 de janeiro, em pleno estado de emergência, foi notificado no sábado pela Polícia de Segurança Pública durante uma manifestação convocada pelo próprio.

As autoridades tentavam desde do mês passado chegar ao contacto com homem, sempre sem sucesso. Ao que o CM conseguiu apurar junto de fonte policial, o proprietário tem organizado várias manifestações contra o encerramento de espaços de restauração. Os protestos têm sempre vigilância apertada da PSP para garantir que as regras de distanciamento social e etiqueta respiratória são cumpridas.

O processo contraordenacional está em curso. O homem pode ainda recorrer e exercer o seu direito de defesa. Caso não o faça pode incorrer numa multa cujo montante varia entre os 2000 e os 20000 euros.

O estado de emergência foi decretado dia 14 de Janeiro e no dia seguinte o proprietário recusou fechar o restaurante. No interior mantinha clientes que filmavam o sucedido e colocavam nas redes sociais. A PSP foi chamada ao local e procedeu ao encerramento do estabelecimento. O dono do ‘Lapo’ foi notificado e acatou a ordem das autoridades.

Ver comentários