Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Recorde de novos casos de Covid-19: 33 óbitos e 52 549 infetados em 24 horas

Há mais quatro doentes internados em enfermarias, mas menos sete pacientes em unidades de cuidados intensivos.
Correio da Manhã 19 de Janeiro de 2022 às 15:25
Vacina Covid
Vacina Covid FOTO: Getty
Portugal bateu esta quarta-feira um novo recorde no número de novos caoss de Covid-19: há mais 52 549 infetados e 33 óbitos nas últimas 24 horas.

Nas últimas 24 horas mais 28 825 pessoas recuperaram da doença, num total de 1 627 279 recuperados desde o início da pandemia.

Há mais quatro doentes internados em enfermarias (1 959 no total), mas menos sete pacientes em unidades de cuidados intensivos (153).

O Norte é a região que regista maior número de infeções em 24 horas: mais 22 455 casos. Segue-se a região de Lisboa e Vale do Tejo com mais 16 192 infetados; o Centro com mais 7 744k, o Algarve com mais 1 960 e o Alentejo com mais 1 502.

As regiões Autónomas da Madeira e dos Açores contabilizam mais 1 865 e 831 novos casos, respetivamente.

Os 33 novos óbitos associados à covid-19 ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo (15), na região Norte (10), no Centro (5), na Madeira (1), nos Açores (1) e no Alentejo (1).

Portugal ultrapassa dois milhões de infetados com Covid-19
Portugal ultrapassou os dois milhões de pessoas infetadas pelo coronavírus SARS-CoV-2 desde o início da pandemia de covid-19, o que equivale a cerca de 20% da população.

Com os 52.459 casos registados nas últimas 24 horas pela Direção-Geral da Saúde (DGS), o país passou a contabilizar um total de 2.003.169 pessoas infetadas desde que foram confirmados os primeiros casos, a 2 de março de 2020.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
coronavírus covid-19 infetados recuperados mortos
Ver comentários