Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Redução de 20% em cursos para docência

Os cursos de Educação Básica, destinados a estudantes que pretendam exercer a profissão docente, sofreram, este ano, uma redução de 20 por cento nas vagas abertas. Foram disponibilizados 998 lugares face aos 1246 de 2011, o que representa uma redução de 248.

15 de Julho de 2012 às 01:00
Excesso de oferta levou à redução de vagas para candidatos a cursos de professor do ensino básico
Excesso de oferta levou à redução de vagas para candidatos a cursos de professor do ensino básico FOTO: Jorge Paula

Esta diminuição tinha, de resto, sido imposta pelo Governo. O despacho do secretário de Estado do Ensino Superior, João Queiró, com as orientações para a fixação de vagas, determinou que "as vagas para o ciclo de estudos de licenciatura em Educação Básica em cada instituição de ensino superior devem ser objecto de uma redução não inferior a 20 por cento". O Governo explicou esta medida com o facto de existir "excesso de oferta na área da educação de infância e da docência para os 1º e 2º ciclos do ensino básico".

Factores de ordem demográfico e também medidas de austeridade do Governo, com redução substancial do orçamento para a Educação, têm feito crescer de forma exponencial o desemprego entre professores. Dos 23 cursos de Educação Básica existentes no País, o que abriu mais vagas foi o da Escola Superior de Educação de Lisboa, com 111 lugares. Na área há um total de 62 vagas para ensino à distância e em regime pós-laboral.

73 ESPERAM MAIS DE 100

Há 73 cursos que abrem cem ou mais vagas para o próximo ano lectivo, a maior parte dos quais na área das engenharias. Entre estes 73 cursos estão cinco cursos de Engenharia Electrotécnica e de Computadores, que em conjunto oferecem 810 vagas. Em Medicina, todos os cursos abrem mais de 100 lugares, com destaque para a Universidade de Lisboa: 295.

ENSINO EDUCAÇÃO VAGAS ENSINO SUPERIOR UNIVERSIDADE
Ver comentários