Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação

Objetivo é formar e requalificar 2500 pessoas
Joaquim Bernardo 27 de Maio de 2021 às 17:18
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação
Sines Tecnopolo investe meio milhão de euros em formação e qualificação

Com o objetivo de desenvolver competências e aumentar a competitividade no Alentejo Litoral, o Sines Tecnopolo investe cerca de meio milhão de euros na formação de pessoas, empresas e organizações até ao final do ano 2022, foi hoje anunciado.

Focado em três grandes iniciativas, este investimento prevê a formação e qualificação em modo presencial e ou e-learning de mais de 2500 pessoas em horário laboral e ou pós-laboral.

A ser desenvolvida até ao final de 2021, a primeira iniciativa visa "a qualificação de cerca de 500 pessoas que se encontrem há mais tempo afastados do mercado de trabalho, permitindo que estas obtenham novas oportunidades de emprego e adquiram novas competências".

Tiago Santos, diretor executivo do Sines Tecnopolo, explicou que "no âmbito de formação profissional da população ativa, esta visa também o reforçar de qualificações e mais valias profissionais de pessoas atualmente empregadas que pretendam diversificar e aprofundar o seu leque de competências".

Contando também com "um aprimorar de competências direcionados à população desempregada, esta formação profissional é composta por um volume de 40.000 horas onde se prevê a qualificação de cerca de 1280 pessoas até ao final do ano 2022".

 "Estas formações são gratuitas e uma mais valia para as pessoas e organizações que pretendam adquirir e atualizar competências, contribuindo para uma região mais qualificada e inserida no mercado de trabalho regional" referiu Tiago Santos.

Cofinanciadas pelo programa POISE (Programa Operacional Inclusão Social e Emprego), Portugal 2020 e União europeia, através do Fundo Social Europeu, estas iniciativas de formação profissional possibilitam o apoio financeiro no valor do subsídio de refeição diário aos formandos.

O Sines Tecnopolo anunciou hoje que disponibiliza uma vasta oferta de cursos nas mais diversas áreas profissionais, tais como Segurança e Higiene no Trabalho, Saúde, Desenvolvimento Pessoal, entre outras.

Com o objetivo de reconhecer a aprendizagem das pessoas ao longo da vida, o Centro Qualifica do Sines Tecnopolo prevê ainda acompanhar cerca de 900 candidatos, até ao final do ano 2022, permitindo que estes obtenham a certificação do nível de escolaridade do 6º, 9º ou 12º ano.

O Centro Qualifica é uma estrutura do Sistema Nacional de Qualificações que assume um papel importante na construção de pontes entre o mundo da educação, da formação e do emprego, cofinanciado pelo programa POCH (Programa Operacional Capital Humano), Portugal 2020 e União europeia, através do Fundo Social Europeu.

Tiago Santos conclui que "Num mercado de trabalho cada vez mais competitivo e exigente, o Sines Tecnopolo pretende com este investimento capacitar os recursos humanos da região, dotando as pessoas de competências e qualificações que lhes permitam ser competitivas no regresso ao trabalho e colmatar lacunas profissionais".

Ver comentários