Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

TAP propôs dispensa de 458 pilotos, revela o Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil

Direção do SPAC deu conta de uma reunião onde esteve com a TAP "no âmbito da negociação do acordo coletivo de emergência".
Lusa 18 de Janeiro de 2021 às 19:19
TAP
TAP FOTO: Direitos Reservados
O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) informou hoje que a TAP apresentou uma contraproposta que inclui a dispensa de 458 pilotos, redução de remunerações e supressão de cláusulas do acordo de empresa, segundo um comunicado. 

Na nota, esta segunda-feira divulgada, a direção do SPAC deu conta de uma reunião onde esteve com a TAP "no âmbito da negociação do acordo coletivo de emergência" e na qual estiveram presentes o secretário de Estado Adjunto e das Comunicações, Hugo Santos Mendes, o presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, o presidente executivo da companhia, Ramiro Sequeira, e a equipa negocial da empresa.

"A TAP apresentou uma contraproposta à proposta apresentada pelo SPAC no dia 22 de dezembro de 2020. Esta contraproposta da TAP assenta na dispensa de 458 Pilotos, na redução das remunerações e na supressão de um conjunto de cláusulas do acordo de empresa, especialmente o Regulamento de Utilização e Prestação de Trabalho (RUPT) e do Regulamento de Recurso à Contratação Externa (RRCE)", indicou o SPAC.

TAP Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil SPAC Pilotos economia negócios e finanças transportes aviação
Ver comentários