Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Task Force acusa Unilabs de comunicar tardiamente problema com vacinas no Queimódromo no Porto

Vacinação vai continuar suspensa no local depois de 980 pessoas terem recebido doses da vacina que não se encontravam à temperatura regular.
Correio da Manhã 17 de Agosto de 2021 às 10:41
A carregar o vídeo ...
Task Force acusa Unilabs de comunicar tardiamente problema com vacinas no Queimódromo no Porto
A task force da vacinação da Covid-19 acusou a Unilabs de ter comunicado "tardiamente" o problema de refrigeração registado a semana passada no centro de vacinação do Queimódromo no Porto.

De acordo com o jornal Público, a vacinação vai continuar suspensa depois de 980 pessoas terem recebido doses da vacina que não se encontravam à temperatura regular após uma falha na refrigeração. As autoridades de saúde aguardam agora informações sobre as vacinas administradas nos dias 9 e 10, nomeadamente se será necessário vacinar novamente os utentes inoculados.

Segundo a mesma publicação, é o único centro do País operado por uma empresa privada.

Decorre agora uma investigação para apurar o que se passou em concreto.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Task Force Porto Unilabs Queimódromo Covid-19 vacinas refrigeração
Ver comentários