Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Vacina esgotada deixa autoridades preocupadas

INFARMED garante o reabastecimento já a partir da próxima terça-feira.
Cláudia Machado 7 de Outubro de 2016 às 09:37
Vacina
Vacina FOTO: Getty Images
A vacina para a tosse convulsa está esgotada em Portugal devido "a um problema de fornecimento do laboratório", confirmou ontem Francisco George, diretor-geral da Saúde.

O responsável manifestou-se "muito preocupado" com a situação, semelhante à que ocorreu com a BCG, e defende que "no contexto da União Europeia" é necessário "ser mais exigente com a indústria farmacêutica", para evitar que falhas no fornecimento levem à interrupção da vacinação, criando situações que considerou "bizarras".

Contactada pelo Correio da Manhã, a Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) explicou que, devido à "decisão das autoridades de saúde internacionais" de estender a vacinação contra a tosse convulsa às grávidas, "houve um aumento da procura superior à capacidade de produção da vacina".

O Infarmed explicou ainda que concedeu "uma autorização de utilização especial da vacina que abastecerá o mercado já a partir da próxima terça-feira". Portugal registou 420 casos de tosse convulsa só até agosto, a maioria em crianças.
Portugal Francisco George União Europeia Infarmed saúde Autoridade Nacional do Medicamento
Ver comentários