Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
1

Formiga ameaça Portugal

Uma espécie de formiga está numa marcha triunfal sobre toda a Europa, ameaçando chegar a Portugal a qualquer momento. A pequena Lasius neglectus já atingiu o estatuto de praga em vários países, chegando mesmo a provocar curto-circuitos em habitações e arrasando jardins inteiros.
9 de Janeiro de 2009 às 22:09
Formiga ameaça Portugal
Formiga ameaça Portugal

Descoberta apenas há 19 anos, em Budapeste, na Hungria, esta espécie tem surpreendido biólogos e investigadores com as suas características que fazem dela uma superpotência do mundo das formigas. 'Quando as vi pela primeira vez, não acreditei que pudessem existir tantas formigas num só jardim', disse Jacobus Boomsma, da Universidade de Copenhaga, que as identificou em 1990.

No primeiro estudo exaustivo sobre a espécie, concluiu-se que a expansão da formiga foi proporcionada pelo homem, através do comércio de plantas. A origem, porém, é ainda desconhecida, suspeitando-se que seja algures na região da Ásia Menor.

'Esta espécie é parecida com a formiga comum do jardim, por isso ninguém fica surpreendido por ver tantas em todo o lado', explicou Jacobus Boomsma, sublinhando que uma das características da Lasius neglectus é poder formar supercolónias dez a cem vezes superior às da formiga comum.

Estas supercolónias atingem centenas até milhares de quilómetros, exterminando as espécies nativas. Também o homem é afectado por este 'problema de dimensão global', conforme refere o relatório, recentemente publicado no ‘PLoS One’. Nos Estados Unidos, só a espécie invasora Formiga Vermelha provoca danos na ordem dos 750 milhões de dólares.

'ESTÁ A CHEGAR A PORTUGAL': Eduardo Sequeira, Biólogo especialista em formigas

Correio da Manhã – Portugal está ameaçado?

Eduardo Sequeira – Está a chegar a Portugal. Mais cedo ou mais tarde. É fácil trazer uma planta com um pedaço de terra com uma rainha fértil. Será uma questão de meses.

– De que forma ameaça o ecossistema e os humanos?

– Eliminando as espécies locais, superando-as em número. Levam a melhor na luta pelo espaço e recursos. Têm impacto a nível de colheitas agrícolas, em especial agricultura biológica.

– Qual é o número de exemplares que cada ninho contém?

– Havendo recursos e espaço é incalculável.

– Quais as principais características desta formiga?

– Alimentam-se de néctar ou seiva de plantas e pequenos insectos. São cooperantes entre colónias. Resistem bem ao frio, apesar de preferirem zonas quentes.

Ver comentários