Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
6

Euro não mexeu com audiências televisivas

SIC e TVI registaram audiência idêntica ao mês anterior. Canal de Paço de Arcos continua a liderar.
Duarte Faria 4 de Julho de 2021 às 10:27
Jogo entre Portugal e a Bélgica, na TVI, foi o mais visto do Euro 2020, e, também, o programa mais visto do ano
Jogo entre Portugal e a Bélgica, na TVI, foi o mais visto do Euro 2020, e, também, o programa mais visto do ano FOTO: Paulo Calado
Em mês de Campeonato da Europa de Futebol, transmitido por RTP, SIC e TVI, as audiências televisivas sofreram poucas alterações. Em junho, a SIC voltou a liderar, e até reforçou a posição, com uma subida de 0,2 pontos percentuais face ao mês anterior, para uma média de 20,4% de share. Já a TVI subiu 0,1 pontos percentuais quando em comparação com maio, para 17,3%. Ou seja, a distância entre os dois canais privados aumentou uma décima, para 3,1 pontos, de acordo com os dados oficiais divulgados pela GfK/CAEM.

Entre os principais canais em sinal aberto, referência também para a RTP 1, que registou a maior subida, 0,4 pontos percentuais, para 11,8%, e para a RTP 2, que ganhou 0,1 pontos e fechou junho com um share médio de 1% - é, de resto, o valor da sua média semestral.

Com metade do ano decorrido, a SIC continua a ser o canal em sinal aberto mais visto, com uma audiência de 19,7% de share e uma média de 458 500 telespectadores, seguido da TVI, com 17,3% de share e 403 100 telespectadores.

Já o primeiro canal da televisão pública somou, entre janeiro e junho, uma média de 11,3% e 263 800 telespectadores.

Recorde-se que os três programas mais vistos do ano na televisão portuguesa até ao momento foram emitidos em junho - e são os três partidas da seleção nacional no Euro 2020. O Portugal-Bélgica, de dia 27, na TVI, lidera, com mais de 3,8 milhões de telespectadores, seguido do Portugal-França, no dia 23, emitido na RTP 1, e do Portugal-Alemanha, no dia 19, também na TVI.



RTP SIC TVI GfK/CAEM economia negócios e finanças media
Ver comentários