Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
4

A Guerra dos Tronos está de volta, saiba onde ficaram as personagens

Um guia para quem precisa de refrescar a memória sobre o ponto em que começa a 7ª temporada
José Carlos Marques 13 de Julho de 2017 às 08:10

Uma das mais populares séries dos últimos anos volta aos ecrãs no início da próxima semana. Nos EUA, o primeiro episódio da sétima temporada passa na noite de domingo. Em Portugal, a estreia chega menos de 24 horas depois, na segunda-feira, através do canal Syfy. Para quem precisa de refrescar a memória, ou para os que já se perderam num enredo tão denso, aqui fica um pequeno guia do ponto em que ficaram as personagens principais no final da 6ª temporada. E cuidado, que o inverno está mesmo a chegar...





















Jon Snow

O filho bastardo de Lord Eddard Stark, mais conhecido como Ned Stark, parece ter finalmente resolvido os complexos freudianos que o impediam de ser o líder que nunca quis ser. Proclamado ‘Rei do Norte’, cabe-lhe defender a muralha contra os White Walkers, os zombies das terras geladas. Na última temporada, soubemos pelas visões de Bran Stark que Jon afinal é filho de uma irmã de Ned, Lyanna,  e de Rhaegar Targaryen que raptou a mãe de Jon e morreu num duelo com Ned. O que quer dizer que é que Jon é afinal sobrinho da mãe dos dragões, Daenerys Targaryen, o que, com certeza, vai complicar (ainda mais) o enredo da série. Mas Jon ainda não sabe de nada disto. Agora que tem a seu lado a prima  (ou meia-irmã, não compliquemos) Sansa Stark e a bruxa que mais vezes vemos nua na TV, Melisandre, o homem que ressuscitou na última temporada continuará a ser uma das personagens principais. Veremos se a aliança com os wildlings que fugiram para sul do muro não lhe custa uma segunda morte.

 

Sansa Stark

Já foi raptada, violada, abusada, casada, humilhada e muitas outras coisas acabadas em "ada", mas a filha de Ned Stark parece ter encontrado segurança na companhia de Jon Snow, depois de seis temporadas em que chorou como mais ninguém. A menina que Joffrey Baratheon obrigou a casar com o tio, Tyrion (o menos ruim dos seus verdugos), poderá, enfim, deixar de ser a gata borralheira da série…

 

Arya Stark

Mais uma das várias personagens de ‘Guerra dos Tronos’ que anda há seis temporadas a tentar chegar a algum lado (neste caso a casa). A irmã de Sansa e Jon escapou da terrível seita dos Faceless Man, depois de ter aprendido a combater às escuras, matando uma rapariga de muito mau humor, que tudo tentou para lhe abreviar os dias. Arya está quase a completar a lista de pessoas a assassinar para vingar a morte do pai. O último que despachou foi Walder Frey, o infame anfitrião do Red Wedding (casamento vermelho), onde morreram o irmão mais velho (Robb Stark) e a mãe (Lady Catelyn).

 

Daenerys Targaryen

Aparentemente, quando José Mário Branco escreveu os versos " Eu vim de longe / De muito longe / O que eu andei / p´ra´qui chegar" não estava a pensar na mãe dos dragões. Mas, à sétima temporada, Daenerys volta a fazer-se ao caminho. O destino é King’s Landing, a capital dos Sete Reinos. Aparentemente, a Khaleesi está muito longe, mas, na última temporada, o anão Tyrion Lannister demorou apenas  dois episódios a encontrá-la, o que confunde os estudiosos da geografia de Westeros e Essos. Depois de muitas peripécias em Meereen, a cidade da grande pirâmide, Daenerys tem agora tudo para arrasar quem se cruzar com ela -  um exército de ex-escravos, uma poderosa frota e três dragões. Vemo-la partir para lutar pelo Trono de Ferro, mas ninguém pode garantir que lá chegará antes de mais uma ou duas temporadas.

Cersei e Jaime Lannister

Irmãos gémeos, amantes, maus como as cobras. Cersei e Jamie Lannister estão de novo juntos em King’s Landing e ela acaba de cumprir a profecia de ter sobrevivido a todos os filhos – concebidos secretamente da relação incestuosa com Jamie. No final da sexta temporada, Cersei vingou a humilhação do ‘walk of shame’ ao usar uma espécie de bomba de napalm verde para destruir a catedral, matando o líder de seita High Sparow, a rainha Margaery e mais uma série de personagens chatas e irritantes. O que incluiu o tolinho rei Tommen, filho de Cersei, que se suicidou ao aperceber-se da explosão. Cersei e o irmão maneta têm agora tudo para serem os maus que sempre gostaram de ser. Veremos se a união resiste à sede de poder de Cersei.

 Tyrion Lannister

A mais divertida personagem da série é agora conselheira da mãe dos Dragões. A última vez que o vimos, Tyrion seguia em direcção a não sei onde, a bordo de um dos barcos da frota de Daenerys Targaryen. Presume-se que vão a caminho de King’s Landing, mas é duvidoso que Tyrion queira combater. Mais depressa o veremos a beber ou ao colo de uma bela donzela do que a puxar da espada.

Theon e Yara Greyjoy

Mais um par de irmãos que se volta a reunir, sendo que também aqui um deles perdeu uma parte do corpo. Theon não ficou sem uma mão, mas o sádico Ramsay Bolton cortou-lhe a parte mais importante do aparelho reprodutivo (já agora, lembramos que essa maléfica criatura morreu devorada por cães em Winterfell, após perder a batalha contra Jon Snow.) Os Greyjoy acordaram com Daenerys Targaryen emprestar-lhes a sua armada, mas em casa, nas Ilhas de Ferro, o tio Euron Greyjoy é o novo rei e promete ser mais um tirano daqueles de meter medo ao susto.

 

Bran Stark

O puto que ficou paraplégico logo na primeira temporada, quando Cersei o atirou por uma janela de Winterfell, continua a sua jornada pelo Norte, acompanhado por Meera Reed, a sua única proteção agora que o gigante Hodor morreu a salvá-los dos White Walkers. Bran, que agora passou a ser o vidente ‘Corvo dos Três Olhos’, há de continuar a alucinar nas raízes das árvores para nos contar o passado da sua família. Na sexta temporada, chegou à grande muralha pelo lado norte, com sorte, talvez se encontre com os irmão Sansa e Jon Snow.

Brienne de Tarth

A gigantesca guerreira anda a ver se cumpre a promessa que fez à matriarca dos Stark e procura Arya e Sansa. Continua acompanhada do desajeitado pajem Podrick, uma dessas personagens criadas para fazer tolices a toda a hora. Já se cruzou com o seu ex-refém Jamie Lannister pelo caminho, que a poupou devido ao fenómeno psicológico a que no século XX se convencionou chamar de síndrome de Estocolmo.

Ver comentários