Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
2

CM é o jornal mais lido em Portugal e ultrapassa vendas do Expresso desde maio

Em cada 100 compradores da imprensa diária generalista, quase 62 optam por comprar um exemplar do Correio da Manhã.
Sónia Dias 30 de Novembro de 2021 às 13:45
Leitor com o jornal Correio da Manhã, em Lagos
Leitor com o jornal Correio da Manhã, em Lagos FOTO: Miguel Veterano

O Correio da Manhã é, cada vez mais, o jornal diário preferido dos portugueses.

De acordo com os dados da Associação Portuguesa para o Controlo de Tiragem e Circulação (APCT), relativos aos nove primeiros meses do ano, revelados esta terça-feira, o CM aumentou a sua quota de mercado de 61,6%. Isto quer dizer que, em cada 100 compradores da imprensa diária generalista, quase 62 optam por comprar um exemplar do Correio da Manhã.

Entre janeiro e setembro, o CM vendeu uma média de 51 883 exemplares por dia, conseguindo desde maio ultrapassar o semanário ‘Expresso’.

No ranking dos maiores jornais diários generalistas, o segundo lugar pertence ao ‘JN’, com uma média de 20 022 exemplares por edição (menos 15% quando em comparação com o período homólogo do ano passado). Seguem-se o ‘Público’, com 10 717 exemplares (quebra de 7%) e o ‘Diário de Notícias’, com 1 645 jornais vendidos (menos 43%). Entre os diários desportivos, destaque para o ‘Record’, com 18 465 exemplares vendidos (uma subida de 2%), e ‘O Jogo’, com 6 433 cópias vendidas (caiu 3%).

Correio da Manhã economia negócios e finanças economia (geral) media
Ver comentários