Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
8

Detetados 118 vídeos de pornografia infantil no Pornhub

Plataforma viu-se obrigada a eliminar 75% dos seus conteúdos. Site é acusado de não verificar origem dos vídeos e compactuar com abusos sexuais.
Sónia Dias 20 de Dezembro de 2020 às 01:30
Plataforma viu-se obrigada a eliminar 75% dos seus conteúdos. Site é acusado de não verificar origem dos vídeos e compactuar com abusos sexuais
Plataforma viu-se obrigada a eliminar 75% dos seus conteúdos. Site é acusado de não verificar origem dos vídeos e compactuar com abusos sexuais FOTO: TARIK KIZILKAYA/getty images
Nos últimos três anos, foram encontrados no Pornhub vários vídeos criminosos em supostas contas não verificadas, entre os quais 118 filmes de pornografia infantil. Apesar de considerar este número “demasiado elevado”, o líder de mercado de conteúdos para adultos recorda que, no mesmo período de tempo, “o Facebook relatou 84 milhões de ocorrências de material de abuso sexual infantil”.

Desde que o ‘The New York Times’ acusou o Pornhub - que é o 10º site mais visitado do Mundo, com 3,5 mil milhões de visitas por mês - de lucrar com cenas de abuso sexual com mulheres e crianças, este diz ter já eliminado 75% dos seus conteúdos, o que equivale a cerca de 10 milhões de peças. Entretanto anunciou que vídeos de usuários sem identificação não serão mais aceites na plataforma, “um requisito que o Facebook, Instagram, TikTok, YouTube, Snapchat ou Twitter ainda não instituíram.”

Na semana passada, o jornalista Nicholas Kristof escreveu um artigo de opinião no jornal norte-americano, em que relata a história de uma mulher da Florida que encontrou a filha de 15 anos que estava desaparecida em 58 vídeos pornográficos divulgados pela plataforma. Ao contrário do YouTube, o Pornhub permite que os vídeos sejam descarregados diretamente do site, perdendo-lhes o rasto caso queira eliminá-los.

Entretanto, várias dezenas de mulheres já avançaram com processos judiciais contra o dono do Pornhub, conhecido como MindGeek.
Ver comentários