Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
9

Google paga taxas no valor de 218 milhões de euros à Irlanda

Valor a pagar pela gigante da internet diz respeito a impostos atrasados e acresce aos 622 milhões de euros relativos a 2020.
Sónia Dias 29 de Novembro de 2021 às 09:00
A gigante Google vai mesmo ter de pagar os impostos em atraso que deve ao governo da Irlanda
A gigante Google vai mesmo ter de pagar os impostos em atraso que deve ao governo da Irlanda FOTO: getty images
A Google vai ter de pagar 218 milhões de euros em impostos atrasados ao governo da Irlanda. A empresa, que é acusada de evitar o Fisco em toda a Europa, aproveitando lacunas na legislação de alguns países, afirma que concordou pagar taxas no valor de 622 milhões de euros referentes ao ano de 2020, sendo que os 218 milhões dizem respeito a liquidação retroativa e juros, revelou o ‘The Irish Times’.

Assim sendo, a empresa norte-americana liderada por Sundar Pichai terá de desembolsar cerca de 840 milhões de euros de forma a saldar a sua dívida.

A Irlanda é um dos países da Europa que oferecem vantagens fiscais às multinacionais norte-americanas, atraídas por uma taxa de 12,5%. Outras empresas também estão sediadas neste país, entre as quais a Meta (antes Facebook) e a Apple. Em outubro, o governo irlandês aceitou integrar os 136 países - entre os quais Portugal - que finalizaram com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) um acordo para cobrar um imposto mínimo global de 15% às gigantes tecnológicas a partir de 2023. O acordo, que a OCDE considera “histórico”, permitirá realocar 111,5 mil milhões de euros com as contribuições das 100 maiores e mais lucrativas multinacionais. Um estudo da Bloomberg mostra que a média de contribuições das 50 maiores empresas do Mundo (lista liderada pelas tecnológicas norte-americanas) caiu de 35,5% em 1990 para 17,4% no ano passado, ou seja, menos 18,1%.
Irlanda Fisco Fisco Europa The Irish Times OCDE economia negócios e finanças economia (geral) macroeconomia
Ver comentários