Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
6

JN apresenta queixa à ERC contra nomeação de Alexandra Borges

Antiga jornalista da TVI em cargo de diretora de investigação da Global Media é contra “princípio da autonomia das redações”.
29 de Julho de 2021 às 16:21
Global Media nas Torres de Lisboa
Global Media nas Torres de Lisboa FOTO: Vítor Mota

O Conselho de Redação do Jornal de Notícias (JN) vai apresentar queixa na Entidade Reguladora para a Comunicação Social contra a nomeação de Alexandra Borges para o cargo de Diretora de Grande Reportagem e Investigação da Global Media, grupo que além daquele diário do Porto detém também o Diário de Notícias e a TSF.

De acordo com o jornal Público, aquele órgão dos jornalistas do JN argumenta que "a criação da figura de uma diretora porventura com pretensos poderes para fazer inserir trabalhos nas diversas publicações, portanto com ingerência direta nas competências dos diretores, chefes de redação e editores de área editorial (secção), atinge de forma inapelável o princípio da autonomia das redações e dos jornalistas, os quais só devem obediência aos respetivos superiores hierárquicos".

O conselho de redação, acrescenta a mesma fonte, diz que as publicações do grupo podem sofrer uma quebra de "disciplina editorial de cada um dos órgãos de informação" com a criação de uma equipa de investigação exterior.

A criação desta direção, a ser pela antiga jornalista da TVI, foi anunciada esta quarta-feira pelo CEO da Global Media, Marco Galinha. Os representantes dos jornalistas dos restantes meios daquele grupo ainda não assumiram qualquer posição pública sobre este tema.

Ver comentários