Barra Cofina
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Harmonização facial: o novo tratamento estético que faz a pele rejuvenescer

Modelação do rosto permite, em poucos minutos, adiar o recurso à intervenção cirúrgica.
Por Vanessa Fidalgo 12 de Janeiro de 2020 às 01:30
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Ana Silva Guerra, cirurgiã plástica
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Ana Silva Guerra, cirurgiã plástica
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Harmonização facial: Já não é preciso ir ao bisturi para rejuvenescer. Maria João aderiu ao procedimento
Ana Silva Guerra, cirurgiã plástica
É a nova moda das cirurgias e dos tratamentos estéticos: modelar o rosto para o tornar mais harmonioso e, dessa forma, enaltecer a beleza dos traços naturais, mas também atrasar os sinais do envelhecimento.

As celebridades do mundo virtual foram as primeiras a promover esta nova tendência da estética, primeiro com a correção das próprias fotografias e selfies e, depois, através do bisturi ou intervenções à base de ácido hialurónico e toxina, que permitem adiar o recurso à cirurgia.

Nas mulheres, os resultados prometidos assemelham-se a autênticos milagres: maçãs salientes como na juventude, lábios proporcionais e com volume, mas de contornos naturais, sobrancelhas levantadas ou um queixo mais pronunciado.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Notícias Recomendadas
Bem Estar e Nutrição

Água com gás: saudável ou nem por isso?

Melhora a digestão, pode ajudar a perder peso, e é mais interessante do que a água pura do ponto de vista nutricional, dizem alguns especialistas. Mas nem todos têm a mesma opinião.